Valorize o seu corpo com a roupa ideal

Ninguém nasce com estilo, mas com determinada carga genética. O corpo pode ter as formas de um triângulo ou um retângulo, parecer uma pêra ou mesmo um palito.

Mas há sempre uma roupa, uma cor, um tecido adequado a cada tipo físico. “Quem entende a própria silhueta consegue um efeito milagroso. Há sempre uma roupa que deixa a mulher bem-vestida, independentemente de estar ou não em dia com a dieta e a malhação”, diz a consultora de imagem, Carla Martinho.
“Para disfarçar a barriga, chame a atenção para os ombros e evite blusas e casacos soltos”

A lógica é sempre a mesma: esconder os defeitos e ressaltar as qualidades. Para lhe ajudar, preparamos algumas dicas do que é recomendado e o que deveria ser proibido para cada tipo de corpo, segundo Carla Martinho.

Roupa certa para cada tipo físico

– Corpo Retângulo

– Corpo Oval/Redondo

– Corpo Triângulo Invertido

– Corpo Triângulo

– Corpo Ampulheta

Retângulo
As mulheres com esse tipo físico, são mulheres cujos ombros, cintura e os quadris estão na mesma medida, portanto, elas precisam necessariamente criar uma cintura.

O que ajuda?
– Casacos e Jaquetas com pences, que deixam a roupa mais fina na cintura;

– Calças sem pregas, para não causar mais volume na cintura;

– Calças com cortes retos e afunilados, ou até com a boca um pouco mais larga;

– Cinto ou Faixas sobre a roupa (as faixas e gravatas estão em alta). Dê preferência para cores escuras, já que estas emagrecem. Porém, se tiver um pouco de barriga, prefira não usa-los.

– Blazer: procure aqueles com cintos no mesmo tecido, ou também, aqueles que tenham pences, de modo a ficarem acinturados.

– Use cintos da mesma cor da calça, em tom escuro, já que isso dá uma impressão visual de que a cintura diminuiu.

– Procure chamar a atenção para o colo, desviando a atenção da cintura. Use e abuse de decotes, brincos, colares. Os melhores decotes são os em formato “V”, “U” ou canoa.

– Uma boa sugestão para quem gosta de saias, são as evasês (que estão na moda), ou saias curtas (que virão forte nessa estação).

– Para quem gosta, o corselete também é ótimo, já que ele ajuda a esculpir curvas, afinando a cintura.

Evite
– Camisas ou Blazers de corte quadrado e largo;

– Gola alta, já que faz o colo ficar totalmente coberto, deixando a silhueta ainda mais pesada;

– Jaquetas curtas;

– Vestido de corte reto;

– Saia justa e afunilada;

Oval/Redondo
Para mulheres com esse tipo físico, é mais difícil transformá-las nas formas do tipo físico “Ampulheta”. Podemos então, explorar as pernas, chamar a atenção para o torso através de decotes, tentar estender os ombros e ainda tentar diminuir os quadris.

O que ajuda?
– Abusar de tudo que chama a atenção para o colo e o pescoço, como decotes, brincos, colares.

– Blazers, camisas ou tricôs que ultrapassem a linha da cintura. Nada pode parar na altura da barriga ou no meio do quadril, pois criam uma ilusão de que o quadril é ainda maior, e não menor como é o nosso objetivo.

– Calça e saias sem pregas, para não criar volume em lugar indesejado.

– Calça de cintura no lugar, com corte reto, de preferência, a barra tocando o peito do pé (para dar a ilusão de alongar a pessoa).

– Decotes em “V” e em “U”

Evite
– Tudo o que chama a atenção para a cintura: camisetas curtas que mostram a barriga, calça com cintura baixa e calças ou saias com pregas.

– Cinto ou faixas por cima da roupa, tanto claro, como escuro.

– Gola Alta

– Calça muito justa ou tipo legging, que deixa a perna muito estreita e realça a barriga;

– Roupas claras e com brilho;

– Listras horizontais;

– Colar tipo coleira ou com muitas voltas;

– Tecidos volumosos;

– Blusa por dentro da calça;

– Pregas, babados e drapeados;

– Vestido com recorte abaixo do busto;

Triângulo Invertido
As mulheres com o tipo físico do triângulo invertido, para chegarem ao equilíbrio, precisam aumentar o quadril, chegando a uma medida proporcional ao ombro.

O que ajuda?
– Frente única ou vestido de cava americana, ajuda a diminuir os ombros, criando uma ilusão de um quadril maior;

– Calças de cintura baixa, mas não justas;

– Saias evasê, rodadas ou retas;

– Cores escuras na parte de cima;

– Regatas de alça fina;

– Blusas modelo cachê-coeur;

– Calças com volume, por meio de pregas ou tipo pantalona

Evite
– Calça muito sequinha, sem nenhum volume, prega ou pence;

– Calça jeans muito sequinha, prefira as de número maior que o seu, apertada por cinto, já – que isso cria volume no quadril.

– Ombreiras

– Blusas de tecido volumoso com muitos detalhes na altura do busto, ou de linhas horizontais;

– Saias e vestidos justos e afunilados;

– Blusas de decote canoa, e tomara que caia;

Triângulo
Para a mulher com o tipo físico do triângulo, o truque é fazer com que os ombros se estendam horizontalmente, chegando até a medida do quadril, ou diminuir visualmente o quadril. Este é um tipo físico bastante comum entre as brasileiras.

O que ajuda?
– Camisas ou tricôs com a cava mais caída, devem ultrapassar a linha do ombro, produzindo um efeito de alongamento;

– Calças ou saias de cores escuras, já que a cor escura emagrece; (não muito justas)

– Decote de ombro a ombro, ou seja, deixando os ombros de fora. Isso aumenta visivelmente os ombros;

– Tomara que caia é ótimo, para as que estão em forma;

– Mangas com volume;

– Blusas e camisetas coloridas;

– Saias e vestidos evasê;

– Camiseta com manga, sempre;

Importante: A altura de blazers, camisas, ou twin-set, deve ser sempre acima ou abaixo da parte mais larga do seu quadril, nunca deve cair sobre ele, isso forma uma linha horizontal, que aumenta ainda mais o quadril.

Evite
– Calça ou saia de pregas, calça de cintura baixa, que aumenta o quadril, e calça corsário, que diminui a perna e salienta o quadril anda mais. Calça muito justa também realça muito o quadril, dando a impressão de aumentá-lo.

– Calça cigarette ou stretch;

– Frente Única ou cava americana, que diminuem ainda mais os ombros;

– Calça ou saia bufante, que também aumentam o quadril;

– Regatas de alças muito finas;

– Detalhes na altura dos quadris, como: bolsas, bordados, babados, e etc..

– Minissaia curtíssima

– Cintos largos ou muito fininhos jogados nos quadris;

– Parte de cima cor escura, sendo a parte de baixo de cor clara;

Ampulheta
Esse é o tipo físico que toda mulher gostaria de ter. É o que chamamos de corpo violão. Se a mulher for do tipo físico da “Ampulheta” e for magrinha, melhor ainda, pois pode usar tudo! Mas se não for magrinha, é necessário, diminuir visualmente os quadris e seios [para não parecerem tão volumosos].

O que ajuda?
– Tops, Regatas, Frente Únicas, calças com prega ou sem prega, detalhes em qualquer parte do corpo;

– Se não tiver um busto grande, pode usar gola alta;

– Caças de corte reto e cintura baixa;

– Saias fluidas evasê, ou justa [sem exageros]

Importante: Se a pessoa for do tipo físico “Ampulheta”, mas estiver cheinha, é necessário atenção! Não esquecer que a pessoa tem cintura, logo, aproveite para explorá-la. (Veja as dicas para o tipo físico do retângulo).

Evite
– Roupas retas e sem pence, que vão transformar a pessoa num triangulo;

– Vestidos em forma de trapézio, ficam soltos no corpo e dão a sensação de criar volume na cintura e mais ainda no quadril.

– Camisas ou Blazers de ombros muito largos, pois vai deixar a pessoa com a forma do triângulo invertido;

– Gola alta, no caso das que tem muito busto, pois dá a ilusão de estarem acima do peso;

Fonte: www1.uol.com.br

Confira matérias relacionadas: