Roupa para trabalhar

Pode acreditar: a maneira como você se apresenta, em curto prazo, fala muito mais sobre você do que o seu desempenho. Por isso, ainda que você tenha que fazer um certo esforço, vale a pena investir um pouco de tempo para que sua imagem.

Isso não quer dizer que você terá que se fantasiar ou usar um uniforme. Apenas que a roupa é um código. E, como tal, há algumas peças que sinalizam transmitindo uma mensagem mais objetiva e eficiente e outras que podem confundir.

Para quem trabalha em empresas mais formais – ainda que você seja uma pessoa exuberante e descontraída, o código vigente pede uma certa sobriedade. Deixe para extravasar essa sua característica mais nos detalhes do que em todo o conjunto

Homens que trabalham de terno: dêem preferência aos clássicos: marinho, grafite, cinza claro, bege, café com leite etc. Esqueçam o branco, coloridos em tons de sorvete (uva, pêssego, pistache)… e o preto que, para o nosso clima é pesado demais. Ah sim, e deixem os tons sobre tons (tudo cinza, tudo cáqui, tudo azul) apenas para ocasiões muito informais, durante o dia e só mesmo se você for muito jovem. Senão, prefira a elegância atemporal e internacional dos contrastes.

Brinquem com o tom das camisas que, lisas, podem ser desde o clássico branco e azul claro, passando por rosa, verde água e até lilás se você for do tipo que sabe combinar matizes.

Homens-Casual every day: sinal verde para calças de sarja em todos os tons evitando as brancas e jeans (a gente não percebe quando elas se tornam uma velha jeans desbotada) – a não ser que sua empresa seja ultra-esportiva.

Se usar camisetas, prefira as do tipo pólo, pois a gola dá um acabamento melhor e você pode eventualmente usar com um blazer. Que, de preferência, será marinho, mais versátil e elegante. Camisas podem ser mais divertidas e até de manga curta, mas ao usar xadrez e listras, cuide para que sejam discretas com o desenho pequeno. Estampas florais e geométricas estão fora de cogitação.

Mulheres em ambientes mais formais: não há como fugir dos terninhos e tailleurs embora você possa marcar sua feminilidade com broches na lapela, echarpes, camisas com babados e jabôs -esse tipo de coisa. Você pode usar um blazer acinturado com uma saia mole (não necessariamente em conjunto com calça ou saia igual) e abusar de twin sets e casaquinhos de lã – ideais para o entra e sai de locais com ar condicionado.

Mulheres Casual everyday – há armadilhas perigosas: não é porque continuam na moda que vamos usar qualquer estampa de bicho para trabalhar. Esqueça camisas de onça, calças de zebra e, na dúvida, até mesmo sapatos de cobra. Transparências devem ser usadas noite para namorar assim como roupa muito justa, colada ou decotada A mensagem implícita é de sedução e, portanto, muito pouco profissional.

Finalmente, tanto homens quanto mulheres devem se lembrar de que as cores existem para que façamos bom uso delas. De modo que, experimente combinações inusitadas, fuja da predominância do preto, cinza e marinho sempre que possível. Experimente em frente ao espelho, teste acessórios, e não tenha medo de ousar – sempre de olho no código visual da sua empresa e, claro, de acordo com o seu temperamento e estilo.

Fonte: www2.uol.com.br/claudiamatarazzo/spotlight_05042005.shtml

Confira matérias relacionadas: