Parecer mais magra: dicas e truques

Dicas e truques para usar no dia-a-dia e parecer mais magra.
Foto: Reprodução

Na hora de se produzir há algumas informações importantes, especialmente para mulheres que estão um pouco acima do peso.

Há alguns mitos e verdades a respeito do que favorece ou não a silhueta.

 

Sobreposições
– Super na moda, as sobreposições podem disfarçar os quilos a mais. Ficam bem interessantes aquelas em que se usa uma peça rendada por baixo e, por cima, uma blusa cache-coeur. Trespassada, ela oferece profundidade ao decote e suas linhas transversais dão a ilusão de emagrecimento.

Drapeados
– É um mito dizer que drapées não ficam bem em quem está um pouco acima do peso. Quando o drapeado for enviesado ele dá uma sensação visual de alongamento, podendo ser usado sem medo.

Listras
– As listras estão nas coleções de inverno, ao lado das estampas gráficas. Elas ficam ótimas quando transversais ou verticais. Dessa forma a silhueta fica mais afinada. Disfarçam inclusive cinturas mais amplas.

Babados e jabôs
– São permitidos! Os jabôs, por serem verticais, alongam o decote e valorizam o colo. Babados muito grandes devem ser evitados.

Blusê
– Ao contrário do que dizem, o efeito blusê, franzido embaixo, na barra, disfarça os quilos a mais, desde que não haja muita sobra de tecido. Quando cortado em viés dá a sensação de encompridar a figura.

Modelagem
– Enganam-se aqueles que pensam que a modelagem para pessoas acima do peso ideal tem que ser reta ou ampla demais. A modelagem basque, suavemente acinturada afina a silhueta, especialmente nos paletós e casacos.

Decotes
– É sempre interessante ressaltar o colo e alongar o pescoço. Assim os decotes em V são bem vindos, sempre. Outro decote que destaca essas partes do corpo são aqueles degagée, isto é, aqueles amplos, que desabam pelo colo. Devem ser sempre de tecidos leves e molinhos como malha de algodão, jersey, etc..

Mix de estampas
– Elas podem ser usadas sim, desde que combinadas, lado a lado, em recortes verticais. As mais miúdas disfarçam as medidas maiores.

Recortes
– Recortes verticais, especialmente em vestidos, casacos e paletós alongam a silhueta, dão um efeito emagrecedor.

Truques
– Camisas são ótimas opções de top. A linha do abotoamento, vertical, cria uma ilusão de alongamento. Usadas com paletós ou jaquetas abertas, malhas de decote em V ficam ainda mais emagrecedoras visualmente.
– Colares longos estão na ordem da estação e são excelentes na arte de iludir o olhar. Utilizados com peças de decote redondo ou canoa, eles encompridam a silhueta. O mesmo efeito têm os écharpes e cachecóis, usados abertos ou enrolados no pescoço e com as pontas caídas na frente.

Confira matérias relacionadas: