Como cuidar da sua planta com a mudança do horário de verão

Mudanças de temperatura e do Sol fazem total diferença para a saúde das plantas.
Foto: Reprodução

E o horário de verão acabou! Saiba como cuidar das suas plantas para que elas não sejam afetadas por essa mudança.

A mudança afeta o nascer e o pôr do sol, além de marcar a mudança na temperatura. Por isso é preciso ficar de olho para que as plantas fique sob o sol durante parte do dia, afinal, esse é um dos vários aspectos são fundamentais para a vida das plantas.

De acordo com a bióloga e especialista em educação ambiental e paisagismo Lilian Ribeiro, o sol e a água são essenciais na vida das plantas e por isso devem estar constantemente presentes nos ciclos das plantas. “A luz solar é importante para nós e também para as plantas. Além disso, a água também é essencial, porém, sua quantidade depende do tipo de planta. O que muita faz é jogar muita água para compensar o tempo que ficará fora. Isso é totalmente errado, pois a planta só vai absorver a quantidade necessária, enquanto o resto ficará acumulada, podendo sufocar as raízes”, ressalta.

Assim, a temperatura também é um dos fatores essenciais para que o ecossistema esteja o mais saudável possível. “Muita gente tem uma casa ou apartamento mais quente ou fria em relação a temperatura que está fazendo na cidade. Por isso é bom estar sempre atento ao clima e às plantas. Observar é uma grande estratégia para quem gosta de cuidá-las”, conta.

A principal mudança que deve ser feita é em relação a posição que o terrário está dentro de casa. O ideal é que o sistema fique pelo menos 4 horas do dia se bronzeando com a luz do sol. Ou seja, se você fechar todas as janelas e persianas para ir trabalhar, o ambiente acaba ficando na escuridão, o que aumenta a chance das plantas morrerem, além da possibilidade de mofos e bolor causados pela falta de circulação do ar. Assim, saiba qual a melhor localização para a planta ter o contato com o sol.

Outra dica é deixar pelo menos uma fresta da janela aberta para entrar ar. “A troca de gases feita pelas plantas é muito importante. Então quanto mais gases, mais trocas elas irão fazer. Isso tudo vai ajudar no ciclo natural do ecossistema, produzido e desenvolvendo elas de uma maneira ainda melhor”, conclui Lilian.

Serviço: Lili Terrários e Mini jardins

Confira matérias relacionadas: