Corrimento vaginal – Vaginite

Foto: Reprodução

O corrimento vaginal, problema comum entre as mulheres também chamado de vaginite, é uma inflamação da mucosa vaginal geralmente associada com irritação e infecção da vulva chamada de vulvovaginite. A vaginite pode ser assintomática, mas geralmente apresenta coceira e irritação na vagina. Caso o corrimento vaginal seja causado por organismos infecciosos como clamídia, a infecção pode progredir através do útero para as trompas de falópio e ovários, havendo o risco de causar infertilidade. O corrimento vaginal decorrente do HPV pode eventualmente aumentar o risco de carcinoma cervical.

Sintomas do corrimento vaginal

Uma mulher com corrimento vaginal pode ser coceira e queimação e notar descarga vaginal. Em geral os sintomas da vaginite são:
– Irritação e/ou coceira na área genital.
– Inflamação (irritação, vermelhidão e inchaço causados pela presença extra de células do sistema imunológico) dos grandes lábios, pequenos lábios e área periférica.
– Descarga vaginal (corrimento de líquido pela vagina).
– Odor diferente na vagina.
– Desconforto ou queimação ao urinar.
– Dor e irritação durante o ato sexual.
– Sono excessivo.

Causas e tipos do corrimento vaginal

As diferentes formas de corrimento vaginal e suas causas são:

Vaginite infecciosa

A vaginite infecciosa responde por 90% de todos os casos de corrimento vaginal em mulheres em idade reprodutiva. As três causas principais são:
– Candidíase – infecção causada pelo fungo Candida albicans.
– Tricomoníase – infecção pelo protozoário Trichomonas vaginalis.
– Vaginite bacteriana – causada pelo bactéria Gardnerella.

Outras causas menos comuns de vaginite infecciosa são: gonorréia, clamídia, micoplasma, herpes, campilobactéria e alguns parasitas.

Vaginite hormonal ou atrófica

A vaginite hormonal, ou atrófica, ocorre principalmente e mulheres depois da menopausa ou depois do parto. Algumas vezes vaginite hormonal pode ocorrer em garotas antes da puberdade. Vaginite atrófica ocorre pela falta de estrógeno.

Vaginite por alergia ou irritação

A vaginite por irritação pode ser causada por alergia a preservativos, espermicidas, sabonetes, perfumes, lubrificantes e sêmen. Também pode ser ocasionada por abrasão, tecidos, tampões e medicamentos tópicos.

Vaginite por corpo estranho

Corpos estranhos, geralmente tampões ou preservativos retidos na vagina, podem causar corrimentos vaginais extremamente mal-cheirosos. O tratamento consiste na remoção do corpo estranho e geralmente tratamento posterior não é necessário.

Papel das doenças sexualmente transmissíveis (dst) no corrimento vaginal

Doenças sexualmente transmissívies (DST) podem causar corrimento vaginal. Teste para clamídia e gonorréia devem ser feitos sempre que uma adolescente sexualmente ativa queixa-se de corrimento vaginal, ainda que o cervix apareça normal.

Cor do corrimento vaginal

A cor do corrimento pode indicar o agente causador.

– Vaginite por candidiase geralmente causa corrimento aquoso e branco, que gera irritação na vagina e pele ao redor.
– Vaginite atrófica geralmente causa corrimento sem odor, vagina seca e relação sexual dolorosa.
– Vaginite bacteriana geralmente causa corrimento com odor parecido ao de peixe. Está associada a coceira e irritação, mas não há dor durante o ato sexual.
– Vaginite por tricomoníase pode causar corrimento profuso com odor semelhante a peixe, dor ao urinar, ato sexual doloroso e inflamação nos genitais externos.

Diagnóstico

O diagnóstico é feito com microscopia e cultura do corrimento depois de um cuidado exame físico e histórico de saúde.

Complicações do corrimento vaginal

– Desconforto persistente.
– Infecção da superfície da pele.
– Complicações decorrentes da condição que causou o corrimento (como infecção por cândida ou gonorréia).

Tratamento do corrimento vaginal

A causa da infecção determina o tratamento apropriado, o qual pode incluir antibióticos orais ou tópicos, cremes fungicidas ou bactericidas, ou medicamentos similares. Creme contendo cortisona pode ser usado para aliviar a irritação. Se reação alérgica estiver envolvida, anti-histamina pode ser receitada. Para mulheres que têm irritação e inflamação causadas por baixo nível de estrogênio, um creme tópico contendo estrogênio pode ser usado.

Posted Under
Sem Categoria